DIVERSIFICAÇÃO DE FUNDOS


Os fundos de investimento constituem uma excelente alternativa de diversificação permitindo, a partir de pequenos montantes de investimento, o acesso a um alargado conjunto de mercados geográficos, classes de activos e sectores económicos. Actualmente, existem no mercado várias alternativas de fundos mistos ou de alocação, que fazem precisamente este trabalho de diversificação a nível global, com uma gestão profissional, através de um único investimento, reduzindo os custos para os investidores e para diferentes níveis de risco. Ou seja, dentro dos fundos mistos, é possível encontrar fundos com mais ou menos exposição a acções, com maior ou menor risco.

O Banco trabalha com as mais prestigiadas sociedades gestoras nacionais e internacionais, garantindo o acesso a várias destas soluções.
Conheça a nossa selecção de fundos mistos, realizada pela equipa da Gestão de Activos.

FUNDOS MISTOS MOEDA COTAÇÃO 1 ANO 3 ANOS 5 ANOS RISCO
BGF GLOBAL ALLOCATION E2 EUR 44,75 10,4% 9,1% 8,0% 4
FIDELITY GLOBAL MA TACT MOD E ACC € EUR 13,32 4,8% 5,0% 5,6% 4
NORDEA-1 STABLE RETURN E EUR EUR 15,50 1,2% 4,2% 5,5% 3
UBS (LUX) SF BALANCED (EUR) P-ACC EUR 2.635,40 10,4% 4,3% 6,1% 4
INVESCO BALANCED-RISK ALLOC E EUR 15,85 8,3% 2,7% 3,6% 4

Nota: Rendibilidades anualizadas. Risco com base na volatilidade dos últimos doze meses. Rendibilidade e Risco em 25 de Maio de 2017.

DISCLAIMER

O investimento no organismo de investimento colectivo pode implicar a perda do capital investido. Alterações das taxas de câmbio entre divisas podem afectar o valor do investimento. As rendibilidades divulgadas representam dados passados, não constituindo garantia de rendibilidade futura porque o valor das unidades de participação pode aumentar ou diminuir em função do nível de risco que varia entre 1 (risco mínimo) e 7 (risco máximo). As rendibilidades apresentadas não incluem qualquer comissão de subscrição ou de resgate e estão líquidas de todas as comissões inerentes à instituição de investimento colectivo. As rendibilidades divulgadas para prazos superiores a 1 ano só seriam obtidas caso o investimento tivesse sido feito durante a totalidade do período de referência. Às rendibilidades obtidas nas instituições de investimento colectivo de sociedades gestoras internacionais ainda será retido na fonte à taxa em vigor sobre as mais valias realizadas aquando do resgate. Os prospectos e notas informativas complementares das instituições de investimento colectivo estão disponíveis, para consulta, em www.bancoinvest.pt ou aos balcões do Banco Invest, S.A.

Para o cálculo das rendibilidades são usadas as seguintes datas:
Data final: data da última cotação, de acordo com o indicado;
Data inicial:
- 3 Meses: mesma data, há três meses;
- Ano Corrente: 31 de Dezembro do ano anterior, ou dia útil imediatamente anterior;
- 1 Ano: mesma data, no último ano;
- 3 Anos: mesma data, há três anos;
- 5 Anos: mesma data, há cinco anos;
Para rendibilidades referentes a anos civis inteiros (2012, por exemplo), será usada como data final o dia 31 de Dezembro desse ano e como data inicial o dia 31 de Dezembro do ano anterior.
No caso de a data indicada não corresponder a um dia útil, será utilizado o dia útil imediatamente anterior.