Megatendências - Invest Trends

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

INVEST TRENDS


  •  
     
     
     
  •  
 
MUDANÇAS CLIMÁTICAS

Ao mesmo tempo que apresentam ameaças para o planeta, as mudanças climáticas verificam inúmeras oportunidades de investimento, já que as despesas com a sustentabilidade são significativas e os governos continuam a adoptar medidas para atenuar os seus efeitos, principalmente no que respeita ao preço das emissões de carbono.


Neste cenário, as empresas podem encontrar novas maneiras de se desenvolverem, já que os incentivos governamentais têm impacto na economia e no seu ecossistema empresarial.


As empresas que reconhecem as ameaças e aceitam os desafios desde o início, acabam por beneficiar de um crescimento estrutural a longo prazo que ainda é subestimado pelo mercado, numa altura em que muitas delas subvalorizam o modo como esta temática vai impactar o seu modelo de negócio.

COMPOSIÇÃO

  Fundo Valor UP Categoria Rendibilidade Anualizada
1 ANO  3 ANOs  5 ANOS
Rating MorningStar Risco 1 ano Moeda    
Nordea 1 Climate and Environment Equity 15,9100 Acções Sector Ecologia 2,58     8,20     11,80 EUR
Pictet Clean Energy R EUR 73,4000 Acções Sector Energia Alternativa 1,38     -1,35     7,28 EUR
Schroder ISF Gl Climate Change Eq EUR 15,9787 Acções Sector Ecologia 7,06     5,62     10,18 EUR

PERFORMANCE

 

Porquê o Trend Mudanças Climáticas?


  • trends-mc-icon1

    Composto por três fundos diversificados geograficamente

  • trends-mc-icon2

    Alcance de um crescimento de capital a longo prazo

  • trends-mc-icon3

    Carteira diversificada por empresas e sectores inovadores

  • trends-mc-icon4

    Potencia a redução da variabilidade do clima e das condições climáticas extremas

ALOCAÇÃO SECTORIAL


 

ALOCAÇÃO GEOGRÁFICA


 

IMPACTO E OPORTUNIDADES





Acomodar ou limitar o impacto das alterações climáticas pode gerar boas oportunidades de investimento. Até há pouco tempo, era relativamente barato "contaminar" o meio ambiente.



Com o aumento da procura energética e das reformas governamentais, é pretendido reduzir progressivamente a oferta de licenças de emissão para que, em 2025, haja défice e os preços subam.



Sectores mais afectados pelas alterações climáticas nos próximos 35 anos

 

Fonte: Mercer, Investing in a time of climate change, 2015.



Níveis de oportunidades de investimento


É possível investir com consciência climática sem comprometer o objectivo de maximizar a rendibilidade da sua carteira.
As mudanças climáticas criam oportunidades em 4 níveis:

Nível Físico



Custo em mil milhões de USD e número de eventos meteorológicos severos:

trends-grafico-nivel1

Fonte: NOOA National Center for Environmental Information



Os riscos climáticos estão a aumentar, principalmente devido à actividade humana, sendo visíveis através de uma maior regularidade de eventos meteorológicos severos, como tempestades, inundações, secas e aumento, tanto da temperatura do planeta, como do nível da água.



De acordo com o National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA), nos EUA, a frequência de condições meteorológicas extremas que provocam prejuízos superiores a 1 bilião de USD aumentaram significativamente na última década.



O aumento da temperatura tem claros efeitos económicos, mesmo nos países desenvolvidos com tecnologias que permitem adaptar-se a situações mais adversas. De acordo com o estudo de 2014 de Tatyana Deryugina e Solomon Hsiang, a produtividade diária diminui 1,7% por cada aumento de 1ºC de temperatura média acima dos 15ºC.

Nível Tecnológico



Aumento das Energias Renováveis:

trends-grafico-nivel2

Fonte: Bloomberg New Energy Finance



Os avanços tecnológicos e a redução dos custos com fontes renováveis apresentam uma ameaça para as actuais indústrias e para a procura de energias fósseis. Por exemplo, supondo que em 2025 se encontravam 25 milhões de automóveis eléctricos nas estradas, o equivalente a 10% dos passageiros de automóveis nos EUA, poderíamos verificar uma poupança de quase um milhão de barris de petróleo por dia, de acordo com a UK Consultant Trusted Sources.



Os avanços significativos nos automóveis eléctricos, associados aos carros auto-conduzidos e às viagens partilhadas, podem desencadear uma queda na procura por automóveis tradicionais, de uma forma mais rápida do que os mercados podem esperar. A maior penetração de automóveis eléctricos pode ter um grande impacto no preço do petróleo.



A energia renovável dobrou a sua participação no total global para 16% desde 2007, representando mais de metade das novas instalações.



A disrupção tecnológica, impulsionada pelos esforços para reduzir as emissões de carbono está a ocorrer em todos os sectores:

• No período entre 2013-2030, de acordo com as estimativas do Departamento de Energia dos EUA, o aumento do uso de LED’s irá reduzir o consumo de energia de iluminação em cerca de 40%.

• Entre 2015-2020, de acordo com as avaliações da Goldman Sachs, a geração eólica e solar poderá adicionar tanto ao fornecimento de energia global, como fez o petróleo shale (shale oil) nos últimos 5 anos.

Nível Regulatório



trends-grafico-nivel3

Os riscos regulatórios decorrem do aumento dos esforços para combater as mudanças climáticas. Muitos governos estão a cumprir com as suas promessas de redução de emissões e os seus objectivos-alvo podem ser aumentados ao longo do tempo. Contudo, podem surgir novos regulamentos que surpreendam os investidores, perturbando o status quo e favorecendo algumas indústrias e empresas em detrimento de outras.

Mais regulamentações também aumentam o risco de falhas das empresas. Basta pensar nos recentes exemplos de escândalos que envolveram empresas automóveis pela falha de padrões de emissões teste ou nas empresas de energia que violaram a segurança e exigências ambientais, causando derrames de óleo. Por fim, o risco regulatório pode saltar inesperadamente através das fronteiras, como foi o caso do tsunami no Japão em 2011, que resultou em cortes na energia nuclear na Alemanha.

Nível Social



Cenários para as temperaturas globais 2010-2100:

trends-grafico-nivel4

Fonte: Climate Action Tracker Project

trends-ecofactory

No contexto das mudanças climáticas a nível global, tanto a consciência social e empresarial, como o nível das temperaturas, têm aumentado



trends-ecomind

Os últimos anos têm sido muito quentes e, de acordo com a NOAA, essa tendência tem potenciado alterações no comportamento e nas preferências das pessoas



trends-ecobag

De acordo com uma pesquisa de mercado realizada pela Nielsen hoje, dois terços dos consumidores globais estão dispostos a pagar mais por uma marca sustentável

DISCLAIMER

O valor do capital investido em instituições de investimento colectivo pode flutuar, em função da avaliação dos activos que integram o seu património, e mesmo não permitir recuperar o montante inicialmente investido. Alterações das taxas de câmbio entre divisas podem afectar o valor do investimento. As rendibilidades divulgadas representam dados passados, não constituindo garantia de rendibilidade futura porque o valor das unidades de participação pode aumentar ou diminuir em função do nível de risco que varia entre 1 (risco mínimo) e 7 (risco máximo). As rendibilidades apresentadas não incluem qualquer comissão de subscrição ou de resgate e estão líquidas de todas as comissões inerentes à instituição de investimento colectivo. As rendibilidades divulgadas para prazos superiores a 1 ano só seriam obtidas caso o investimento tivesse sido feito durante a totalidade do período de referência. Às rendibilidades obtidas nas instituições de investimento colectivo de sociedades gestoras internacionais ainda será retido na fonte à taxa em vigor sobre as mais valias realizadas aquando do resgate. Os prospectos e notas informativas complementares das instituições de investimento colectivo estão disponíveis, para consulta, em www.bancoinvest.pt ou aos balcões do Banco Invest, S.A.


Para o cálculo das rendibilidades são usadas as seguintes datas:

  • - Data final: data da última cotação, de acordo com o indicado;
  • - Data inicial:
    • - 3 Meses: mesma data, há três meses;
    • - Ano Corrente: 31 de Dezembro do ano anterior, ou dia útil imediatamente anterior;
    • - 1 Ano: mesma data, no último ano;
    • - 3 Anos: mesma data, há três anos;
    • - 5 Anos: mesma data, há cinco anos;

Para rendibilidades referentes a anos civis inteiros (2017, por exemplo), será usada como data final o dia 31 de Dezembro desse ano e como data inicial o dia 31 de Dezembro do ano anterior. No caso de a data indicada não corresponder a um dia útil, será utilizado o dia útil imediatamente anterior.


O Banco Invest recebe da Sociedade Gestora uma percentagem da comissão de gestão dos fundos de investimento (e/ou de distribuição, quando aplicável), de forma a suportar os serviços prestados aos seus clientes, designadamente:

  • - Disponibilização de ferramentas online que permitem a pesquisa, análise e comparação de fundos de investimento;
  • - Custos de transacção, liquidação e custódia das unidades de participação/acções dos fundos de investimentos;
  • - Divulgação de informação sobre eventos relativos aos fundos de investimento (dividendos, conversões, fusões, aquisições e liquidações);
  • - Divulgação e actualização das cotações diárias e das rendibilidades dos fundos de investimento;
  • - Custos inerentes à actividade geral de distribuição dos fundos de investimento (recursos humanos, infra-estruturas, tecnologia, fornecedores, documentação legal, taxas de supervisão, etc).

ACESSO INVEST ONLINE

DOCUMENTO PARA VALIDAÇÃO

POSIÇÕES DO NÚMERO DO DOCUMENTO

 
 
Este site utiliza cookies para funcionar correctamente. Ao continuar no site está a consentir a sua utilização. SABER MAIS Concordo